Novo diretor Jorge Werneck é oficialmente apresentado aos colaboradores da Adasa

jorgewerneck

O novo diretor da Adasa Jorge Werneck durante sabatina da Câmara Legislativa do Distrito Federal

 

O engenheiro agrícola e pesquisador Jorge Werneck foi oficialmente apresentado como novo diretor ao corpo de funcionários da Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico do Distrito Federal (Adasa) na manhã desta segunda-feira (29).

Empossado há cerca de 40 dias para ocupar a vaga deixada pelo geólogo Diógenes Mortari, que se aposentou em outubro, o primeiro encontro formal entre o novo diretor e a Agência foi adiado para o início desta semana, quando a maioria dos funcionários que estavam de férias já tivesse retornado ao trabalho.

Além da formação em engenheira agrícola pela Universidade Federal de Viçosa, mestrado em irrigação e agroambientes, doutorado em tecnologia ambiental e recursos hídricos pela Universidade de Brasília, Werneck ainda é autor de quatro livros sobre recursos hídricos, além de mais de 200 artigos científicos nos últimos 16 anos.

O currículo do novo diretor acumula também duas sólidas experiências profissionais na linha de frente da Superintendência de Estudos e Informações Hidrológicas da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) e na Embrapa Cerrados. Nesta última, Werneck desenvolve desde 2001 diversos estudos nas áreas de gestão de recursos hídricos, monitoramento hidrológico, hidrossedimentologia, modelagem hidrológica, irrigação e drenagem e conservação de solo e água.

Junta-se à sua trajetória uma ampla colaboração em comitês de bacias, entre os quais, o dos afluentes do Rio Preto e do Rio Maranhão no DF e, em especial, o da Bacia do Paranoá, em que atua como presidente, além de participar do Conselho de Recursos Hídricos do Distrito Federal (CRH-DF).

Para o novo diretor, o maior desafio é trazer toda essa bagagem técnica para a gestão dos recursos hídricos do DF. “Espero poder contribuir aqui no GDF. Não quero ser só um pesquisador, mas quero ter contato com os problemas reais, com as pessoas, com os diferentes setores. A busca pela integração e pela discussão dos problemas de forma aberta, levando conhecimento para esse meio de tomada de decisão e de gestão, é muito motivadora”, afirmou Werneck.

Assessoria de Comunicação e Imprensa
aci@adasa.df.gov.br
(61) 3961-4909/4972