Semana da Água: depois do Pipiripau, Projeto Produtor de Água chega ao Descoberto

Adasa 159A partir desta semana, o Projeto Produtor de Água, que há sete anos vem sendo desenvolvido na Bacia do Pipiripau, será implantado na Bacia do Alto Descoberto. O anúncio foi durante a cerimônia de abertura da Semana da Água 2019, que reuniu na última sexta-feira (15/3) produtores de água do Pipiripau e representantes das 17 instituições parceiras do programa coordenado pela Adasa, no Núcleo Rural Taquara, em Planaltina.

O Programa Produtor de Água é desenvolvido pela Agência Nacional de Águas (ANA). Segundo o diretor da agência, Ricardo Andrade, o êxito do projeto no Pipiripau permitiu que a experiência seja replicada no Descoberto. “Entre os 78 projetos existentes no País, o Pipiripau tem sido uma referência. Sempre que levamos a mensagem para novos programas, Pipiripau é citado como um caso de sucesso, principalmente porque foi internalizado pelos produtores rurais. Isso é o que faz a diferença do projeto”, disse.

Segundo o diretor da Adasa, Jorge Werneck, quase 1/3 dos produtores rurais do Pipiripau estão envolvidos nesse projeto.

O encontro no Núcleo Rural, organizado pela Unidade de Gestão do Projeto Pipiripau, teve como objetivo responder às demandas dos produtores de água sobre recente avaliação feita de todo o trabalho desenvolvido na região.

Para os produtores do Pipiripau, os resultados são visíveis. Uma das benfeitorias conquistadas com o projeto foi a revitalização do canal Santos Dumont. Sandra Kikuchi, primeira produtora da sub-bacia do Santos Dumont  a aderir ao projeto, lembrou que em 2017 o canal teve que ser fechado, porque não havia água suficiente no rio. “Em 2018, por causa dos investimentos do produtor de água, nenhuma cisterna secou”.

Na cerimônia de abertura da Semana da Água 2019, o diretor- presidente da Adasa, Paulo Salles, chancelou os 10 novos contratos de produtores de água e o presidente da Caesb, Fernando Leite, entregou os cheques simbólicos aos produtores, que receberão o pagamento pelos serviços ambientais prestados no âmbito do projeto. Os alunos do Centro Educacional Taquara receberam orientações sobre o consumo racional da Água, com o programa Adasa na Escola, e noções de saneamento, da Caesb, além de um viveiro de mudas que contribuirá com o projeto.

O Projeto Produtor de Água no Pipiripau já estimulou a produção e plantio de 360 mil mudas nativas para o reflorestamento da região.

Assessoria de Comunicação e Imprensa
aci@adasa.df.gov.br 
(61) 3961-4909/4972